Visite nosso blog "gourmet": http://jwalkersgourmet.blogspot.com/

Hodômetro - quilometragem dos participantes

Participante
Distância percorrida
Alberto
639,4 km
Daniela
810,0 km
Jorge
784,4 km
Marcelo
858,2 km
Paulo
211,2 km
Yumi
145,6 km
(considerando somente os eventos listados neste blog)

domingo, 30 de agosto de 2009

Rally a Pé 2009 - Etapa de Paranapiacaba

Este é um post que, sinceramente, preferia não escrever. Mas como nos comprometemos a relatar aqui nossas aventuras e desventuras, respirei fundo e... lá vamos nós.

Começamos o dia com mais um belo café da manhã na Padaria Bella Vitória e caímos na estrada. Desta vez fomos de carro até a parte baixa de Paranapiacaba.


A largada foi no Largo do Padeiro. Largamos às 10h e fomos a primeira equipe a largar. Logo no começo da prova, uma diferença na medição nos deixou perdidos (diferença essa percebida pelos três contadores de passos da equipe e por outras equipes que vinham atrás de nós) e nove minutos atrasados...

O próximo trecho foi longo, o que permitiu que tirássemos os nove minutos de atraso, mas cometemos um erro e passamos em um PC antes do previsto (deveríamos ir para a direita na marcação - que não estava lá, passar por dentro do duto e só então registrar o tempo no PC). Ao sair do duto, deveríamos seguir por dentro do riacho por alguns metros, mas como sabíamos que não haveria PC, optamos por sair do ricaho e voltar para a estrada.


Em seguida, entramos novamente em um duto (onde deveria haver outra marcação) e continuamos beirando um riacho até chegar em uma cachoeira. Como tínhamos alguns minutos de descanso, deu para curtir a paisagem e a água gelaaada!


Ao sair da mata e voltar para a estrada (velha conhecida, afinal o caminho foi o mesmo da prova de 2008, mas no sentido inverso), seguimos caminho para Taquarussu.


Na metade da prova, em Taquarussu, havia lanches e suco para todos. Na parede estava afixada uma cartilha improvisada informando como deveria ser a saída do neutro e o tempo ideal de chegada e saída das equipes. Mas aí começou a surpresa... o cálculo do tempo ideal não batia... refiz as contas uma, duas, três vezes e nada... A equipe decidiu relargar no horário ideal publicado na cartilha improvisada, e com isso perdemos nove minutos do neutro. Seguimos à risca as informações da cartilha improvisada, que solicitava seguir por uns (sic) 35 metros no sentido 85 graus e depois virar à esquerda na rua principal.


Viramos. E andamos, andamos, andamos, andamos uns 2 km (já que esse trecho não tinha distância conhecida) até chegarmos a uma bifurcação que não estava na planilha. Aí veio a constatação que estávamos realmente errados. Enquanto decidíamos o que fazer, chegou a equipe Bambuzal e Brotinho.

Neste ponto, cansados e frustrados que estávamos, decidimos voltar para Taquarussu e abandonar a prova. No caminho encontramos mais umas três equipes no caminho errado. Informamos essas equipes que voltassem, porque aquele caminho não levava a lugar nenhum.

Já em Taquarussu, deixei a equipe lá e peguei uma carona com a Marcia que estava voltando para Paranapiacaba. Peguei o carro e fui buscar o pessoal (essa foi a parte boa do domingo, deu para brincar um pouco com o 4x4 na estrada de terra \m/ ).

Depois de muito queimar os neurônios procurando pelo erro, finalmente descobri comparando a cartilha improvisada com imagens do Google Earth. O sentido da cartilha estava errado! Onde se lia 85 graus, deveria-se ler 225 graus. Aí sim, (quase) tudo teria dado certo.


Fato é que a equipe decidiu não continuar participando do Rally a Pé (não só por causa dessa prova) e procurar por outras organizações para continuar no esporte, a partir do próximo ano. Talvez até façamos uma ou outra prova se for em algum lugar muito legal. Por enquanto vamos continuar fazendo as trilhas do Projeto Trilhas de São Paulo.

Este post encerra um capítulo desta equipe, mas outros capítulos virão, com mais fotos, aventuras e pratos do dia!

(fotos no Picasa)

Distância: 8900 m

Participantes: Alberto, Daniela, Jorge e Marcelo.

Resultado:
1 - Pé de Lama (3038 pontos)
2 - Família Busca a Pé (4111 pontos)
3 - Taquicardíaco (4849 pontos)
...
19 - Johnnie's Walkers (10088 pontos)

Prato do dia: Filé mignon com mussarela de búfala, rúcula e tomate seco do Ó Maria, bar e petiscaria!

3 comentários:

  1. Olá rapazes.....
    Como vcs, eu e meu primo também pegamos o "caminho errado" e a prova foi pro brejo, mas fomos até o final.Concordo que o azimute deveria ser de 225 na saída do neutro.
    Mas nossa equipe sente muito por vcs saírem do Campeonato, pois vcs são os líderes até o momento.....mas estaremos torcendo por todos vcs em todas as competições que participarem, pois trekking é isso: Aventura, Amor e Diversão!!

    Sucesso a todos........
    Raul

    ResponderExcluir
  2. Raul,

    comentei lá no seu blog.

    []'s

    Marcelo

    ResponderExcluir
  3. Com certeza cara nos encontraremos pra tomar uma breja bem gelada....

    Sucesso!!

    Raul

    ResponderExcluir