Visite nosso blog "gourmet": http://jwalkersgourmet.blogspot.com/

Hodômetro - quilometragem dos participantes

Participante
Distância percorrida
Alberto
639,4 km
Daniela
810,0 km
Jorge
784,4 km
Marcelo
858,2 km
Paulo
211,2 km
Yumi
145,6 km
(considerando somente os eventos listados neste blog)

sábado, 5 de outubro de 2013

Northbrasil 2013 - AABE (noturna)

Mais uma prova em que contamos com nosso reservista Paulo, porque Alberto e Yumi tinham 2 casamentos na mesma noite.

Antecipamos a saída de SP em alguns minutos, porque sempre pegamos trânsito na saída da cidade. A estrada também estava movimentada e chegamos na Associação Amigos do Bairro do Engordadouro umas 19h30, mas com tempo suficiente para preparar a largada e comer um churrasquinho, comprado lá mesmo, já pensando na janta!



Nossa largada foi às 20h36, em virtude da quarta posição obtida na etapa anterior. O frio estava castigando, quando o vento gelado batia na nuca a gente pensava na nossa cama quentinha.

(daqui para a frente, não tem mais foto nossa... flash não dá conta em prova noturna)

Logo no começo da prova, saímos da AABE pela portaria principal e pegamos a Av. da Uva. Demos um balão dentro do terreno da Associação e fizemos um rápido trecho de deslocamento para atravessar a avenida, no sentido das parreiras.

No trecho 06, começou a festa da uva (hummm... trocadalho do carilho esse). Pegamos o PC 37, que não bipou. Na pressa, esquecemos de picotar a filipeta. Na sequência, andamos mais que o necessário e pegamos o 06 fora de ordem. Esse erro custou caro, porque propagou pelo trecho 08, fazendo a gente perder os PCs 04 e 05. Começamos bem (não perca as contas, foram 3 PCs perdidos até aqui - com meia hora de prova).

No trecho 09, passamos por um pequeno trecho de mata e umas trilhas fechadas, com um belo dum atoleiro. Descemos por uma estrada de terra que nos levou à entrada de um riacho (andamos só 99 m por dentro dele - dessa vez). Saindo do rio, veio uma subida em terreno arado, de uns 200 m. Deu para descontar um pouco do atraso, mas a subida foi puxada - foi o único trecho da prova que deu para transpirar um pouco! No final da subida tinha um neutro de 1 minuto.

Descemos por uma rua de terra cheia de erosões e mais à frente entramos por um trecho de mata, todo sinalizado, com uma equipe à nossa frente. Havia uma descida íngreme, onde foi necessário usar a corda. Acabamos perdendo muito tempo nessa descida...

Passamos por duas pinguelas (a segunda foi meio treta) e depois veio um trecho meio tenebroso, por uma longa estrada de terra, onde conseguimos acertar o tempo, tirando um atraso de quase 50 segundos. Essa estrada de terra terminou numa rua de asfalto, por onde entramos novamente no riacho, mas agora no sentido contrário...

Na saída do riacho, Marcelo ficou atolado até o joelho e só conseguiu sair com ajuda da equipe que nos precedia. Não foi fácil vencer o barranco... E quando toda a equipe conseguiu subir, a planilha exigia descer novamente em direção ao rio, dessa vez apenas para cruzá-lo. Passamos no PC 25 com 2min30 de atraso.

Já do outro lado do rio, não conseguimos entender as referências do trecho 23 e ficamos um tempo, junto com várias outras equipes, tentando achar o caminho para o neutro. Mesmo com todo esse atraso, tivemos um bom tempo para recuperar o fôlego e trocar as pilhas.


Saímos do neutro e voltamos para o labirinto de parreiras. Medimos errado a primeira distância e perdemos o PC 28. Por causa disso, perdemos também o 29 e o 27 - 6 PCs perdidos até agora...

Até o final do trecho 31 foi a festa do caqui (ué? não era da uva?)... só labirinto de parreira e PC perdido. No trecho 32 entramos novamente num trecho de mata, com um laço atrás da bananeira, onde estava o PC 33 (quase perdemos esse também...). Saímos numa estrada de terra e voltamos para uma região em que já havíamos passado no início da prova, perto de um terreno arado (perdemos mais um PC por ali - o 08).

No trecho 38 iniciou-se o único trecho de virtual da prova, que consistiu em dar uma volta pela plantação e voltar para a Av. da Uva, mas por um caminho diferente. Fizemos 4 pontos no PC virtual 41 e seguimos de volta para a sede da AABE. A chegada foi tumultuada porque chegamos embolados com outra equipe, e a mocinha do PC acabou ficando atrapalhada.


Depois foi só tirar as botas e esquentar os pés, que pareciam cubos de gelo.

Continuamos em terceiro no campeonato, mas não participaremos da última etapa do ano, em virtude de compromissos profissionais de três dos integrantes da equipe. Ainda assim, encerramos o campeonato na nossa melhor posição na Copa North. Quem sabe em 2014 não beliscamos um trofeuzinho?


Distância: 7649 m
Tempo total: 2h 33min

Participantes: Daniela, Jorge, Marcelo e Paulo.

Resultado:
1 - Bons Ares (3571 pontos)
2 - Por Enquanto Só Nois (4017 pontos)
3 - CSI na Trilha (4075 pontos)
...
20 - Johnnie's Walkers (8736 pontos - 229,90 pontos por PC)

Prato da noite: Comemoração do aniversário do Jorge no Milk & Mellow.



Menção honrosa (ou seria horrorosa?) para os 8 (O-I-T-O) PCs perdidos. Novo recorde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário